luis de camoes Quotes

Luis de Camoes Quotes

Birth Date: 1524-02-04 (Monday, February 4th, 1524)
Date of Death: 1580-06-10 (Tuesday, June 10th, 1580)

Discover how to find info about file extension apk with articles and other interesting information.

Quotes

    • Transforma-se o amador na cousa amada, Por virtude do muito imaginar; Nao tenho, logo, mais que desejar, Pois em mim tenho a parte desejada.
    • Amor e fogo que arde sem se ver, E ferida que doi, e nao se sente; E um contentamento descontente, E dor que desatina sem doer. E um nao querer mais que bem querer; E um andar solitario entre a gente; E nunca contentar-se de contente; E um cuidar que ganha em se perder.
    • Os bons vi sempre passar No mundo graves tormentos; E para mais me espantar, Os maus vi sempre nadar Em mar de contentamentos.
    • E tambem as memorias gloriosas Daqueles Reis, que foram dilatando A Fe, o Imperio, e as terras viciosas De Africa e de Asia andaram devastando; E aqueles, que por obras valerosas Se vao da lei da morte libertando; Cantando espalharei por toda parte, Se a tanto me ajudar o engenho e arte.
    • O grandes e gravissimos perigos! O caminho de vida nunca certo: Que aonde a gente poe sua esperanca, Tenha a vida tao pouca seguranca! No mar tanta tormenta, e tanto dano, Tantas vezes a morte apercebida! Na terra tanta guerra, tanto engano, Tanta necessidade avorrecida! Onde pode acolher-se um fraco humano, Onde tera segura a curta vida, Que nao se arme, e se indigne o Ceu sereno Contra um bicho da terra tao pequeno?
    • Queimou o sagrado templo de Diana, Do subtil Tesifonio fabricado, Herostrato, por ser da gente humana Conhecido no mundo e nomeado: Se tambem com tais obras nos engana O desejo de um nome avantajado, Mais razao ha que queira eterna gloria Quem faz obras tao dignas de memoria.
    • O Rei subido, Aventurar-me a ferro, a fogo, a neve E tao pouco por vos, que mais me pena Ser esta vida cousa tao pequena.
    • Pois vens ver os segredos escondidos Da natureza e do umido elemento, A nenhum grande humano concedidos De nobre ou de imortal merecimento, Ouve os danos de mim, que apercebidos Estao a teu sobejo atrevimento, Por todo o largo mar e pela terra, Que ainda has de sojugar com dura guerra.
    • O quanto deve o Rei que bem governa, De olhar que os conselheiros, ou privados, De consciencia e de virtude interna E de sincero amor sejam dotados! Porque, como este posto na suprema Cadeira, pode mal dos apartados Negocios ter noticia mais inteira, Do que lhe der a lingua conselheira.
    • Quem faz injuria vil e sem razao, Com forcas e poder em que esta posto, Nao vence; que a vitoria verdadeira E saber ter justica nua e inteira.
    • luis de camoes

Quotes by Famous People

Who Were Also Born On February 4thWho Also Died On June 10th
Dan Quayle
Dietrich Bonhoeffer
Hartley Shawcross
Jascha Heifetz
Luis de Camoes
Ray Charles
Jack Johnson
Adolf Ogi
Luis de Camoes
Alexander the Great

Copyright © www.quotesby.net